quinta-feira, 12 de abril de 2018

raras Aves raras


No Mês Mundial do Livro e numa época em que a sustentabilidade do planeta se torna tão premente, recordamos a visita da Diretora do Zoo de Lourosa à nossa escola, com o livro raras Aves raras. Numa sessão de leituras variadas com turmas do 6º e 7º anos, Salomé Tavares partilhou pertinentes reflexões sobre os seus hábitos de leitura e da relevância dos mesmos no seu trabalho.
A partir da apresentação do Casuar, ave da família das avestruzes, Salomé Tavares apresentou um interessante conjunto de materiais de leitura e convidou os alunos à leitura, evidenciando várias razões que justificam a importância desta: ler para aprender, ler para saber mais, ler para se atualizar e ler por prazer.
O livro raras Aves raras, escrito por João Manuel Ribeiro e por um grupo de alunos do Colégio das Terras de Santa Maria, nasceu a partir de várias visitas que os referidos alunos fizeram ao Zoo de Lourosa, acompanhados pelo seus professores. Deste trabalho de campo, foram escritos vários poemas (que compõem o livro raras Aves raras) sobre algumas das aves que vivem neste Zoo, como é o caso do Lori de dorso amarelo, da Catatua de crista amarela, do Urubu rei ou do Casuar. A propósito deste último e em tom de alegria, a sessão foi encerrada com uma música criada a partir de um poema do livro:

Casuar

Ca-ca-ca-casuar,
Ave brava e rara.
Ca-ca-ca-casuar,
Ave ágil e avara.

Do Reino da Animália,
vive em floresta tropical,
Na distante Austrália
ou na Papua ocidental.

Com linda plumagem
e casco deslumbrante,
Anda livre, em vadiagem,
sem se ter por tratante.

Confiados ao zeloso pai,
os ovos, pela mãe casuar,
Este, aos nascidos, vai
ajudar a crescer sem par.[...]


Sem comentários:

Enviar um comentário